Visitar o Louvre e o Empire State  é realmente surpreendente. Mas quando se trata de imensidão, as belezas naturais podem nos surpreender ainda mais.

Cercada por 7 montanhas, Bergen é a segunda maior cidade da Noruega, perdendo apenas para a atual capital, Oslo. Fundada em 1070, a cidade foi capital do país até 1299, quando o título passou a ser então da capital atual. Mesmo assim, sua importância continuou e a cidade passou a fazer parte da Liga Hanseática entre os anos 1350 a 1750.

bergen-noruega17

O centro histórico de Bergen, Bryggen, integra a lista do patrimônio da UNESCO desde 1979. Seus prédios coloridos datam da época da Liga Hanseática e compõem um dos cenários mais conhecidos da Noruega.

bergen-noruega14

Para começarmos o passeio, escolhemos ficar o primeiro dia pelo centro histórico. Cheio de lojinhas e de restaurantes, passamos o dia andando por ali. Nas ruas principais encontramos muitas lojas de roupas e de artigos de cozinha.  O que mais chamou a nossa atenção, sem dúvidas, foi o cais de madeira.

bergen-noruega15

bergen-noruega16

Já no segundo dia, fizemos o passeio mais esperado da viagem – Norway in a Nuthshell. Essa empresa é a mais tradicional que oferece passeios para visitar os fiordes. Tá, mas o que são os fiordes (ou fjordes no idioma de lá)? Resumidamente, é o mar entre as montanhas!

Como não tínhamos muito tempo, escolhemos o  roteiro de apenas um dia (day trip). O primeiro trecho foi de trem de Bergen até Voss (cidade da água Voss, sabe?), depois um ônibus até Gudvangen e trocamos para um navio para irmos até Flam. De Flam, pegamos um trem antigo para voltarmos até Bergen.

bergen-noruega3

bergen-noruega18

Nesse site, é possível ver outros roteiros, inclusive tem alguns que te levam até Oslo:

http://secure.fjordtours.com/tour/Overview.aspx

Apesar da primeira parte de solo ser maravilhosa, a parte mais encantadora é o passeio de navio até Flam. Navegamos pelo Sognefjorden, fiorde mais longo e profundo da Europa. É incrível ver a combinação das montanhas com o mar.

bergen-noruega2

bergen-noruega6

Foto para o blog:

bergen-noruega5

Foto real:

bergen-noruega4

Chegando a Flam, tem alguns restaurantes que não recomendo, além de serem muito caros (porque só tem turista), não são bons, porém não tem muita opção, se você não levar uns snacks, acaba tendo que comer por lá, porque o dia é longo e você só chegará de volta a Bergen ao final do dia. Para quem fizer um passeio de mais de um dia, é possível se hospedar em Flam, vimos alguns hotéis/pousadas bacanas por lá.

bergen-noruega8

O que as pessoas vêem:

bergen-noruega10

O que realmente foi:

bergen-noruega9

hahaha!

Já no final da trip, o último trecho fizemos de trem, mas não é um trajeto qualquer, é a Flamsbana. Uma linha de trem em que praticamente o percurso inteiro tem uma vista panorâmica dos fiordes, passando por cachoeiras e montanhas. Este trajeto de trem é um dos mais  íngrimes do mundo, saindo de Flam (nível do mar) e indo até Myrdal (863m acima do oceano) e, ainda, em trilhos de madeira!!

A revista National Geographic Traveler nomeou a  Flam Railway como uma das Top 10 viagens de trem da Europa e a Lonely Planet como a melhor viagem de trem do mundo em 2014.

bergen-noruega11

De volta a Bergen, e com a maior fome do mundo, fomos procurar algo para comer. Chegamos a tempo de pegar o mercado de peixes ainda aberto. Tá bom que não tem o melhor perfume do mundo, porque mistura o cheiro de muitos peixes, mas a experiência foi super bacana.  Entre os diversos peixes e bichos, experimentamos baleia (amigos veggies, por favor não me julgue de novo  – caso já tenham me julgado por causa do urso-  eu juro que gosto dos animais e morri de dó de comer baleia, mas eu estava lá com fome e tal…), salmão, king crab e outros. O mais engraçado era o caviar, vendido como se fossse atum no mercado.

bergen-noruega20

bergen-noruega19

Por fim, já cansados de um longo dia, voltamos para o hotel. Desta vez, por já estamos no meio da viagem e um pouco cansados, optamos por ficar no Radison Blu e acertamos em cheio na escolha. Além de ser super confortável, como era o esperado, sua localização era ótima, bem na frente do cais, em Bryggen, além de ter um ponto de ônibus que vai até ao aeroporto na porta do hotel, ou seja, comodidade incrível.

Curiosidade: Em Bergen, devido à localização muito ao norte e por estar rodeada de montanhas, chove, em média, 240 dias por ano e já bateu o recorde de chover por 85 dias seguidos!! Ou seja, como diz minha mãe, leve um guarda chuva!

bergen-noruega7

Para finalizar, segue um vídeo que achei aqui na internet:

http://photopeach.com/album/fd5i2v?ref=est

Boa viagem,

Tft

comentários (2)

  • Vinicius Baratta

    De fato, o melhor post. Beijos pros 2!

    Responder
  • claudete

    Maravilhoso, pena que não fui!!

    Responder

Deixe seu comentário